Ciclos limitados de bateria

 Antes de mais nada, é preciso saber que a bateria do seu iPhone possui uma vida útil de 500 ciclos. E, quanto atingir esse número, o sistema começará a reduzir o desempenho e pode até apresentar outros problemas, como reinicialização forçada ou medição desregulada. Você continuará usando o aparelho normalmente, porém, além dos possíveis problemas, precisará recorrer ao carregador com maior frequência. 


Como descobrir se a bateria atingiu os ciclos

No seu iPhone, acesse as configurações e logo após clique em bateria. Agora observe se há uma informação dizendo que a bateria pode precisar de reparos. Se essa informação estiver lá, sua bateria atingiu ou está bem perto de atingir os ciclos de vida e precisará ser trocada para que você continue o uso sem problemas. 



Caso essa informação não conste, você não precisará se preocupar com a bateria por enquanto, pois tudo indica que ela está saudável. Mas é muito importante que, periodicamente, você volte e faça essa verificação, para saber o momento certo de reparar o item. Se você estiver enfrentando problemas com a carga, mas não existir uma informação de reparo, sua bateria talvez esteja passando por outros problemas não relacionados aos seus ciclos. Contate uma assistência técnica para verificar o que está acontecendo. 


A bateria atingiu os ciclos. 

O que fazer? Se o seu aparelho ainda estiver na garantia de 1 ano da marca ou você tiver o AppleCare+, a bateria poderá ser substituída gratuitamente, pois essas garantias cobrem esse dano. É só contatar a empresa e depois levar o aparelho ao local autorizado pelo suporte. Porém, se a garantia já acabou e você não tem o AppleCare+, entre em contato com o suporte da Apple ou vá até uma Apple Store e contrate o serviço de substituição. Segundo o site da fabricante, essa troca pode custar R$ 449. Sabemos que há outros fornecedores que fazem esse serviço, mas a decisão de procurá-los deve considerar a legalidade deles. Se você verificou o status da bateria, conte pra gente quanto tempo de uso tem o seu aparelho e se a informação apareceu para você. Como cada usuário utiliza o smartphone de maneira diferente, é comum que uns recebam o alerta antes dos outros.